Para treinadores

Confira as dicas que preparamos para que você melhore a qualidade dos seus treinos on-line através das lives

single image

A procura por treinamentos on-line veio crescendo ao longo dos últimos anos e agora, por causa da pandemia do novo Coronavírus (COVID-19), eles estão ainda mais em alta. As pessoas tiveram que adaptar os seus treinos à nova realidade e, pelo visto, essa é uma tendência que veio para ficar. 

Neste contexto, as lives se tornaram uma das estratégias mais usadas pelos treinadores para ajudar a manter o treino à distância um pouco mais “íntimo” e interativo, fazendo com que os seus atletas continuem engajados e motivados durante a prática de atividades físicas. 

Para te ajudar a deixar os seus treinos on-line ainda mais dinâmicos e com mais qualidade, nós trouxemos algumas dicas básicas que podem fazer toda diferença no resultado final. Confira!

O que você precisa saber sobre os treinos on-line

Antes de qualquer coisa, é fundamental que você entenda que o objetivo das lives de treinos é fazer com que os seus atletas se mantenham engajados durante os exercícios. Ou seja, o propósito é que você continue se conectando com eles e os inspirando a praticarem atividades físicas. 

Para que isso aconteça é muito importante que você viva esse momento com o mesmo dinamismo e motivação dos treinos presenciais, mas que tenha os cuidados necessários para que a tecnologia não seja um empecilho ou represente uma perda de qualidade das aulas. 

Dicas básicas para um treino on-line de qualidade

Aqui vão algumas dicas simples, mas que fazem toda a diferença no resultado final de uma transmissão ao vivo:

1. Confira a sua conexão com a internet

Uma boa conexão com a internet é, sem dúvida alguma, o ponto mais fundamental para uma live. É claro que todos os tópicos abaixo são importantes, mas nenhum deles funciona bem sem uma internet estável. Por isso, é muito importante que você invista em um plano de internet de qualidade, ou seja, com pelo menos 5 Mbps de upload para transmissões simples ou 10 Mbps para transmissões em HD.

Uma “boa prática” para as lives é o uso da conexão via cabo de rede, isso porque assim a internet fica mais estável e menos propícia a interferências externas. Porém, caso o Wi-Fi seja a única opção viável para você, não tem problema algum! Só lembre-se de fazer o possível para que o seu sinal esteja o melhor possível

2. Tenha uma boa câmera em mãos

Investir em uma excelente câmera pode não ser a sua prioridade no momento, mas hoje em dia temos muitas opções que entregam uma ótima qualidade. Os smartphones, por exemplo, estão cada dia oferecendo câmeras mais robustas e completas. Além disso, já existem no mercado webcams com preços acessíveis e que entregam uma imagem em Full HD

3. Foque em ter um áudio de qualidade

Uma das coisas que mais engajam os atletas na hora da atividade física é a motivação que o treinador transmite para ele. Aquele “vai lá, você consegue!” ou “não desiste agora! É só mais um!”, faz toda a diferença durante o treino. E para que isso aconteça de maneira adequada em uma live é muito importante que o áudio esteja com boa qualidade. 

Por isso, pense em investir em um microfone para esses momentos. Hoje em dia, existem diversas opções de qualidade no mercado e com bons preços. Porém, se isso não for possível agora, lembre-se de tomar cuidado com: possíveis sons externos (toque de celular, animais de estimação, campainha, etc.) e interferências no aparelho (alguma sujeira na parte do microfone ou algo tampando a região).

4. Escolha o melhor aplicativo ou rede

Uma coisa muito importante e que você deve levar em consideração na hora de fazer a sua live é o aplicativo ou ferramenta que irá usar para fazer essa transmissão. Hoje em dia o mercado está tão cheio de boas opções que fica até difícil escolher a melhor. Por isso, procure sempre entender quais são os benefícios e facilidades de cada aplicativo. 

Aqui na Treinus, nós costumamos indicar para as nossas assessorias parceiras o uso de uma das seguintes ferramentas: 

Atualmente o Zoom tem sido uma das ferramentas mais usadas pelos nossos treinadores parceiros. Isso acontece principalmente pela facilidade de interação que ele permite com as pessoas (é possível que você as veja também), mas indicamos qualquer uma das três para que você tenha mais facilidade na sua transmissão. 

Assim, além de ter mais segurança e qualidade nas suas lives, também é possível compartilhar o link delas nas planilhas de treinos dos seus atletas, dentro da plataforma Treinus. 

5. Divulgue para todos os seus atletas

O momento mais importante de uma live é quando ela começa e a sua audiência (os seus atletas) estão assistindo e participando com você! Para que isso aconteça, é claro que você precisa fazer a divulgação correta. Por isso, na plataforma Treinus, além de ser possível compartilhar os vídeos de treinos nas planilhas dos atletas, você também pode deixar o link da live com as informações de dia e horário para que ele lembre de se preparar para esse evento.  

Dicas para você deixar os treinos mais dinâmicos

Você já entendeu quais são as dicas básicas para se fazer uma boa transmissão ao vivo, agora vamos para algumas dicas extras de como deixar esse evento mais dinâmico e profissional:

Planeje o treino com antecedência

Isso pode soar como algo “bobo”, mas é realmente importante que você prepare o treino com antecedência. Isso não significa apenas ter a sequência de exercícios em mãos, é preciso pensar em todo um roteiro para esse momento. Assim, você evita ser pego de surpresa pelo nervosismo ou por algum esquecimento. 

Por isso, na hora de montar esse roteiro é interessante que você leve em consideração:

  1. Tempo inicial para que todos tenham tempo de entrar na live 
  2. Tempo de execução de cada exercício e de descanso 
  3. Tempo necessário para a explicação de cada exercício
  4. Tempo de interação com os atletas participantes.

Faça testes antes de iniciar a live

Para ter certeza de que a câmera está posicionada da forma adequada, que a internet está boa ou que o som está funcionando corretamente, é preciso que você teste tudo isso antes de começar a transmissão. Isso ajuda a evitar qualquer tipo de empecilho inicial ou surpresas desagradáveis ao longo do evento. Então reserve uns 30 minutinhos antes para fazer todos esses testes. 

Reserve um tempo para interação 

Essa é sem dúvida uma das dicas mais importantes para te ajudar no engajamento com os seus atletas. Tirar um tempinho para dar um “oi” mais personalizado para todo mundo (se possível cite o nome de quem estiver presente), perguntar como eles estão ou deixar algum comentário de motivação faz com que eles se sintam vistos e motivados para o treino. 

Tente fazer essas interações ao longo de toda live. Mas, caso não seja possível, reserve alguns minutinhos no início e no final para dar “boas-vindas” e agradecer pela participação de todos. 

Gostou dessas dicas? Tem alguma dica que você tem usado nos seus treinos on-line e que não estão neste artigo? Então deixe nos comentários, isso pode ajudar outros treinadores a melhorarem os seus serviços. 

Quer ainda mais dicas? Então assine a newsletter da Treinus e receba os novos artigos no seu e-mail. 

Deixar um comentário

Fique tranquilo que não publicamos o seu endereço de email.

Posts relacionados