Práticas esportivas

Como se preparar e ter cuidado com a reabertura das academias?

single image

Adaptação é a palavra que define 2020 e que ainda vai perpetuar para a construção de uma nova realidade devido à pandemia do coronavírus. Mesmo com todas as precauções e o isolamento social, aos poucos as rotinas estão tentando voltar ao ‘antigo normal’, mas sempre tomando os devidos cuidados. O mesmo está acontecendo com a reabertura das academias, então para evitar a longevidade da propagação do vírus, é importante continuar com qualidade de vida e promover a saúde com o esporte, mas também é necessário conversar sobre as cautelas para retornar a frequentar os ambientes esportivos. 

Os cuidados com a reabertura das academias

Para os atletas que estão tomando cuidado e desejam retornar aos treinos em academias, devem lembrar que a volta não é igual ao momento anterior que estávamos vivendo. É importante ter em mente que ainda é necessário ter atenção para não propagar o coronavírus, então para manter a saúde em dia e não colocar ninguém em risco, você (assim como o corpo profissional do espaço) deve seguir algumas precauções básicas neste momento.

Sendo assim, esteja consciente que o retorno precisa ser saudável e não prejudicial, então nada de tumulto ou pouco caso com os cuidados. Seguem algumas medidas de segurança para você.

1. Use máscara

O requisito mínimo para todos neste momento é o uso obrigatório da máscara, e o mesmo não seria diferente para as academias. Além de proteger a região da boca e nariz, o utensílio ajuda a diminuir o risco de contato com gotículas de saliva.

Sendo assim, não deixe de proteger você e quem está ao seu redor usando a máscara. Pode ser a descartável, a de pano ou outra que consiga proteger e barrar o mínimo que seja o contágio. Nas práticas ela pode incomodar um pouco a respiração, ou embaçar o óculos (caso utilize), mas tenha em mente que é uma necessidade, então não se esqueça de usar!

2. Respeite a capacidade máxima

Nada de aglomerações nos locais, sejam eles abertos ou fechados! As academias possuem um espaço limitado, então para respeitar a questão da distância e evitar o contágio, considere a capacidade máxima do local. Se estiver cheia, volte outro horário.

Algumas academias estão funcionando com agendamento, então veja se na sua hora disponível para treinar o local estará funcionando. Caso contrário, é legal pensar em alternativas, como exercitar-se em casa.

3. Limpe os aparelhos do local

Um dos pontos mais importantes para a reabertura das academias é a limpeza e organização dos aparelhos que serão usados por mais de um pessoa ao longo do dia. Para garantir a segurança, cobre do espaço a higienização correta dos utensílios, como halteres, colchonetes e anilhas, além de você também cuidar e limpar os acessórios quando acabar de utilizar.

O uso de álcool em gel e papel descartável nos aparelhos irá ajudar a remover possíveis vírus e bactérias, então para uma reabertura consciente, seja um ajudante para garantir que a situação não saia do controle.

4. Mantenha distância dos colegas

Em um espaço com demais pessoas, não é recomendado permanecer perto umas das outras, mesmo com o uso da máscara. Caso treine com conhecidos, amigos ou familiares, a situação também é a mesma. Mesmo tendo vontade de cumprimentar, conversar perto e afins, saiba que o momento (e o local) não é o ideal para o contato humano.

Respeite a distância de 1 ou 2 metros dos colegas, pois assim cada um consegue treinar com tranquilidade e segurança. Se estiver revezando em algum aparelho (o que pode ser difícil), não fique perto da pessoa. Faça sua sessão e depois fique afastado de quem estiver executando o exercício!

5. Não compartilhe acessórios

Hidratação é fundamental para os atletas, porém muitos esquecem de levar a própria garrafa d’água quando vão treinar, principalmente em academias. Sendo assim, leve essa sua companheira para manter o corpo regulado e hidratado, pois na maioria dos espaços os bebedouros estão com uso restrito.

6. Seja paciente

Você pode ter toda a força de vontade, ânimo e disposição para tomar os cuidados para voltar a frequentar a academia, porém, se for de grupo de risco, é importante ser paciente ainda. Não coloque sua vida em risco, pois mesmo com todos os cuidados, o vírus tem uma consequência maior naqueles que já apresentam problemas respiratórios, por exemplo.

O mesmo vale para quem é idoso, então mantenha a calma e busque por alternativas para continuar com a rotina esportiva. Faça uma caminhada, treine em casa, mas considere como prioridade a saúde do seu corpo.

7. Exija ventilação do espaço

Por fim, uma cuidado necessário até em casa é a ventilação dos ambientes. Não fique em locais fechados, aglomerados ou que tenham pouca circulação do ar. Se a academia, estúdio ou espaço para atividade física que frequente não esteja com uma ventilação ideal, exija do local as devidas precauções para a segurança de todos.

Mesmo com todos os cuidados que venham de você, ainda é importante cobrar do espaço que também siga os protocolos de segurança.

O momento ainda é frágil, mas como a normalidade precisa ser adaptada, a vida está continuando, mas sempre com os cuidados essenciais. Cuide de si e da sua qualidade de vida e tome cuidado caso esteja saindo de casa com a reabertura parcial das atividades.

E você, por acaso tem alguma outra dica para manter a segurança com a reabertura das academias? Deixe a sua sugestão aqui nos comentários!


Deixar um comentário

Fique tranquilo que não publicamos o seu endereço de email.

Posts relacionados