Práticas esportivas

Conheça os 9 mitos mais comuns sobre o ciclismo!

single image

Treinar por horas, ter cuidado por ser um esporte perigoso e até dizer que é uma prática de elite. Andar de bicicleta nunca foi tão complexo para algumas pessoas. Porém, esses são mitos sobre o ciclismo e que precisam ser revistos para evitar informações falsas no mundo esportivo.

Por acaso você sabe quais são os mitos mais comuns que rolam no mundo do ciclismo? Então fique aqui e confira algumas informações erradas que são passadas no senso comum para esse esporte que é a modalidade preferida de muitos atletas. 

Mitos sobre o ciclismo

1. É considerado uma prática perigosa

Por utilizar uma bicicleta e usar as ruas como terreno de prática, muitos pensam que pedalar será perigoso, até porque a rua é composta por outros meios de locomoção, então um acidente pode acontecer a qualquer momento.

Contudo, existem espaços específicos para andar de bike (ciclovias e ciclofaixas), além dos equipamentos básicos para garantir a segurança, então é possível realizar o treino sem preocupações. É importante lembrar que existe a possibilidade de praticar ciclismo indoor, então ir na academia ou em estúdios que ofertam a modalidade é uma opção para se proteger ainda mais!

2. Só terá resultado se treinar por horas

O famoso desempenho é um grande objetivo por trás de todos os esportes, então o ciclismo não ficaria de fora. Porém, uma informação que circula entre atletas é que para alcançar resultados com o ciclismo, o treino precisa ser longo, com muitas horas na prática diária.

Existe de fato uma progressão, então o planejamento vai ajudar o atleta em um certo período e treinar por horas irá ajudar nos resultados. Contudo, manter esse ritmo para sempre não será benéfico, nem para a performance do atleta e nem para a saúde do corpo.

Esse mito acaba circulando, pois muitos acham que pedalar não terá resultado se for feito em pouco tempo, então é necessário muito esforço e dedicação para alcançar os objetivos. Mas saiba que isso não é verdade!

3. É um esporte caro

Comprar uma bicicleta, roupas esportivas e demais acessórios parece um investimento alto, correto? Porém, saiba que para começar ou se manter no ciclismo, não vai ser caro!

As vendas na internet sempre deixam de sugestões equipamentos caros ou para profissionais, logo, é de se pensar que há muito dinheiro envolvido para começar a pedalar. Só que isso não é verdade, pois é possível comprar equipamentos de qualidade e que têm um ótimo custo-benefício!

Outro ponto importante é que a própria bicicleta pode ser utilizada como meio de transporte alternativo, então é possível ir para o trabalho, mercado e até na casa de colegas utilizando esse veículo, então comprar uma bike vai te fazer economizar ao longo do tempo.

4. Mulheres precisam de equipamentos específicos

Os mitos sobre o ciclismo ficam mais delicados quando falamos da presença feminina no esporte. Ainda é discutido sobre a necessidade de equipamentos específicos para mulheres, porém, um especialista pode ajudar nesse assunto em questão de minutos!

O que pode acontecer é a adaptação do corpo para a bicicleta, contudo, isso também é válido para os homens, até porque altura do banco, modelo de bike e por assim adiante são fatores que precisam ser regulados para o atleta, independente de gênero.

5. O desempenho só vem com a dor

Esse mito não é comum apenas no ciclismo, mas em todas as modalidades e tipos de treinamento. É normal achar que o desempenho acontece com dor e desgaste, então se você não der tudo de si e seu corpo não for ao limite, a performance nunca irá chegar.

Mas tenha em mente que esse pensamento precisa ser evitado, até porque ter essa potência diária e dor constante no corpo só ocasionam lesões futuras e a queda do rendimento, então respeite os seus limites e tenha ao seu lado um treinador para te ajudar a evoluir!

6. A prática é para pessoas novas

Pedalar é uma opção democrática e para todas as idades, então sem essa de pensar que está muito velho(a) para começar!

O ciclismo tem baixo impacto para as articulações, então o risco de lesão é pequeno se seguir as devidas recomendações. Ou seja, não importa se tem 40, 50 ou 60 anos, é possível iniciar na modalidade sem medo. É importante sim averiguar as condições de saúde, mas são raras as exceções para não praticar o esporte.

7. Planilhas de treinos são para profissionais

Mais um discurso presente nos mitos sobre o ciclismo é que as planilhas são apenas para profissionais, até porque atletas iniciantes não devem se preocupar com estrutura dos treinos e a evolução nas práticas diárias.

Mas saiba que as planilhas irão impactar o seu potencial e rendimento, então não deixe de ter um treinador ao seu lado com um treino estruturado, pois esses recursos estão disponíveis para qualquer atleta em qualquer nível de prática!

8. Qualquer bicicleta serve

Os equipamentos do ciclismo devem estar de acordo com a modalidade escolhida e para o seu corpo. Existem bicicletas convencionais para lazer, bicicletas para a prática de mountain bike e até para corrida de pista. Sendo assim, fique atento aos modelos!

Essa informação é relevante, pois é comum achar que qualquer bicicleta vai ser a ideal, contudo é importante levar em consideração alguns parâmetros. Os modelos irão variar de tamanho, pois estarão de acordo com a altura do atleta, fique atento nos detalhes!

9. Capacete não ajuda na segurança

Utilizar o capacete não é obrigatório por lei no Brasil, mas o equipamento salva vidas! Saiba que esse acessório é muito importante para a segurança dos ciclistas, então não comece no esporte sem esse utensílio.

Utilizar a bicicleta nas ruas é um desafio dependendo da região, então, em caso de acidentes, o capacete pode evitar problemas como traumatismo e até absorver o impacto de uma lesão, caso ocorra algo grave, Pense na sua saúde e bem-estar!

Pedale aos poucos

Deu para perceber que o ciclismo é cheio de mitos e que acabam gerando medo ou restrições para as pessoas começarem a praticar, certo? Mas saiba que grande parte das informações podem ser verificadas na internet ou em uma conversa com um profissional qualificado.

Se você tem curiosidade e desejo de iniciar no ciclismo, separe os equipamentos, pegue sua bike e comece a pedalar aos poucos. Com o tempo, você irá perceber o que é verdade e o que faz sentido na prática, então não deixe de tentar!

Espero que tenha gostado do conteúdo!

Deixar um comentário

Fique tranquilo que não publicamos o seu endereço de email.

Posts relacionados