Qualidade de vida

Como os exercícios físicos ajudam a combater a falta de disposição?

single image

Diariamente, todo mundo lida com rotinas agitadas que geram algum nível de estresse, o que impacta diretamente na disposição. Isso ocorre, pois um alto grau de produtividade é cobrado no mercado de trabalho, então o cansaço mental já aparece para muitos no período da tarde, enquanto ainda trabalham. Como impacto, a falta de disposição para praticar exercício físico, ou até para demais atividades de lazer é presente na rotina de muitos brasileiros.

E, por acaso, é possível melhorar a situação? Muitos buscam ânimo para mudar um pouco a rotina, ou até utilizam os exercícios físicos para melhorar a disposição. É possível ter o esporte como um incentivo na rotina de trabalho e até mesmo buscar motivação para realizar a atividade física.

Independente do caso, você sabe como melhorar a falta de disposição para treinar ou até mesmo usar o esporte para combater o cansaço? Fique aqui para descobrir como!

Como melhorar a falta de disposição?

A qualidade de vida é um fator importante para todos, seja no lazer, na prática esportiva e até no trabalho. É preciso estar atento à saúde do corpo e também à saúde mental. Sendo assim, é necessário ter disposição para fazer algo que goste e que ajude a melhorar o humor no dia a dia.

O esporte é uma saída eficaz, então dedicar algum tempo para praticar exercício físico é sempre uma boa opção, pois, além de regular a saúde do corpo, ajuda no ânimo, a melhorar o humor e é um fator que beneficia a qualidade de vida.

Ao olhar as definições da Organização Mundial da Saúde, ter boa saúde não diz respeito apenas ao aspecto fisiológico, mas também agrega o bem-estar mental e social. Ou seja, pensando em rotinas agitadas que geram estresses, é possível ter disposição, não só para a prática de atividade física, mas para investir no lazer?

A resposta vai depender da situação em que a pessoa se encontra. Contudo, é possível dividir a falta de disposição em dois aspectos: pela atividade física e pelo lazer. É possível realizar a separação, pois uma parcela da população, mesmo que com rotinas agitadas, conseguem investir tempo (com esforço) na prática esportiva. Por outro lado, alguns ainda buscam disposição não só para o esporte, mas também para o lazer.

Falta de disposição e atividade física

O esporte é uma escolha que ajuda a regular a saúde do corpo, e que também impacta nos aspectos emocionais e mentais. Quem faz exercício regularmente, tem queda no estresse, diminui a ansiedade e consegue ter a mente mais calma no fim do dia.

Porém, muitos atletas acabam praticando atividade física como algo rotineiro, então, mesmo com o cansaço, eles investem, mas não têm o devido retorno dos benefícios. Isso acontece porque muitos fazem o esporte por fazer.

Como impacto, o cansaço não é reduzido e a prática não consegue ter a devida evolução, então é preciso, nesse caso, buscar por otimizações nos exercícios físicos para combater a falta de disposição. Muitos enxergam o ânimo como um incentivo, então descubra aqui 3 dicas para manter a atividade física com disposição!

1. Planeje a rotina esportiva

Pode parecer estranho planejar a rotina esportiva quando o foco é apenas regular a saúde do corpo. Porém, muitos desejam, por exemplo, perder gordura corporal, e quando percebem que a atividade física não está ‘cumprindo o devido papel’, a falta de disposição começa a aparecer.

Sendo assim, além de regrar o que se deve fazer, seja honesto consigo e saiba os seus limites e esforços possíveis dentro da sua rotina. Estamos falando de regular a saúde do corpo, e de também ter bem-estar e qualidade de vida.

Realizar uma atividade que gosta, como correr ou caminhar já é uma opção. Mas saiba que toda prática terá uma limitação, dependendo do caso, então se deseja estabelecer uma meta, por exemplo, coloque algo que seja possível fazer e não um objetivo que esteja longe de conseguir. O foco por agora é combater o desânimo.

2. Faça uma avaliação física

Ter acompanhamento no esporte também é um fator que ajuda no ânimo, além de colocar o atleta numa situação mais realista. Muitas pessoas, por lidarem com rotinas de escritório ou locais semelhantes, ficam muito tempo sentadas, então a chance de desenvolver alguma doença ou ficar no quadro de sedentarismo é grande.

A avaliação física vai ajudar a colocar os desejos do atleta numa realidade possível, além de respeitar o organismo dele para as intensidades que suporta. Além disso, é um meio de verificar a saúde do corpo, então ver níveis de massa magra, gordura corporal e afins serão possíveis com o acompanhamento.

3. Entenda seu corpo

Por fim, uma dica de conhecimento é saber como seu corpo funciona. A atividade física ajuda a acalmar, impacta em aspectos emocionais e mentais e previne contra doenças cardiovasculares, por exemplo. Mas, como isso acontece? 

Durante a prática, o organismo vai liberar uma série de hormônios no sangue, sendo estes os responsáveis pelas sensações de felicidade, a melhora do humor e por assim adiante. Os mais comuns são:

  • Serotonina
  • Endorfina
  • Adrenalina

Ou seja, a falta de disposição consegue ser combatida com a prática, então se o seu foco era saber como isso funciona e qual a motivação para continuar os exercícios, você já tem a resposta!

Falta de disposição e lazer

Em relação ao lazer, a falta de disposição é uma consequência de ter muito cansaço no decorrer do dia, o que ocasiona na falta de ânimo até para fazer as coisas que gosta. Basicamente, quando isso acontece, a única vontade é chegar em casa, comer algo e já ir dormir.

Ou seja, quem acaba tendo uma vivência semelhante, precisa buscar força de vontade e combater a indisposição para investir no lazer e nas atividades que gosta de realizar. E como isso será possível?

1. Tenha companhia

Para combater a falta de disposição, é possível realizar algo em companhia, seja uma caminhada, uma ida em algum estabelecimento ou até a prática de algum esporte. Ter alguém do lado ajuda no incentivo, e, nesse caso, vai além de acabar com a indisposição, mas também ter qualidade de vida e sociabilidade com as pessoas ao seu redor.

Isso pode virar uma rotina, então caso goste de companhia, queira ter lazer ou até iniciar na prática esportiva, mas não tem incentivo, busque um amigo ou familiar para te acompanhar na trajetória. Vale lembrar que, no caso de fazer atividade física, você terá benefícios que vão além do lazer, como por exemplo:

  • Combate às doenças cardiovasculares e mentais.
  • Melhora do condicionamento físico.
  • Redução do estresse e melhora o humor.

2. Estabeleça um desafio

Por se tratar de lazer, um possível ânimo para começar ou voltar a ter hábitos que gosta é estabelecer um desafio ou meta. Para que isso seja possível e que também não gere nenhum tipo de estresse, busque uma atividade fácil e que consiga ir cumprindo-a aos poucos.

Se gosta de ler, por exemplo, estabeleça uma leitura mínima no dia, como 30 minutos, ou proponha uma quantidade de livros a serem lidos em um período de tempo (3 livros em 2 meses, por exemplo). A atividade pode variar, mas elas precisam ter resoluções mais fáceis, pois é o início do combate ao desânimo.

Caso goste de viajar, por exemplo, tente juntar um pouco de dinheiro a cada mês para conseguir fazer algo legal nas férias. O mesmo vale para a prática esportiva, então caso deseje correr, estabeleça uma meta semanal de caminhar por pelo menos 15 minutos todo dia.

Cada ponto vai variar de acordo com o tempo e a necessidade pessoal, então tenha qualidade de vida investindo no lazer. Combater a falta de disposição pode ser difícil, mas com um pouco de dedicação você resolve essa situação!

Em busca da disposição

Agora você já conhece os possíveis caminhos para combater a falta de disposição, seja para praticar alguma atividade física ou realizar algo para o seu lazer. O foco é buscar qualidade de vida e não ter uma rotina focada unicamente no trabalho.

Espero que o conteúdo tenha ajudado! Para artigos semelhantes, não se esqueça de assinar a nossa newsletter!

Referência

Atividade física aumenta disposição e autoestima

 


Deixar um comentário

Fique tranquilo que não publicamos o seu endereço de email.

Posts relacionados