Alimentação

Dicas simples de dieta para corredor

single image

Todo mundo sabe que a alimentação é o que garante a energia para nossas atividades diárias,  principalmente numa dieta para corredor.

A corrida é uma das que mais requer energia se comparada com outros esportes. Mas qual seria então a melhor dieta corredor?!

É sempre importante lembrar que cada tipo de atividade exige um tipo de alimentação.

Da mesma maneira, cada modalidade de corrida e de corredores (sejam eles amadores, profissionais, experientes ou iniciantes) também necessitam de dietas especificas baseadas nas suas necessidades e objetivos que desejam alcançar.

Nesse artigo separamos algumas dicas de alimentação pensando em quem que praticam a corrida como esporte, mas vale lembrar que é fundamental consultar um profissional para receber uma dieta para corredor e suas necessidades.

O que e como comer?

A melhor maneira de alcançar um bom rendimento é quando temos a reserva de nutrientes sempre cheias, mas é fundamental que não tenhamos uma digestão pesada.

Especialistas em nutrição esportiva chegam a recomendar cinco refeições por dia, reforçando  as três principais. Além de alimentos saudáveis, é importante que o pratos dos corredores sejam refeições balanceadas.

Proteínas

A quantidade de proteínas ingeridas deve ser de 1,2 a 1,4 gramas para cada quilo que temos.

Mesmo que pareça pouca essa quantidade, se mantivermos um consumo adequado de carboidratos melhoramos o uso de aminoácidos que as proteínas contém.

Carboidratos.

Os carboidratos são a principal fonte de energia que temos. São os nutrientes que absorvemos mais rápidos e por isso devem predominar na alimentação de um corredor.

A quantidade pode variar de acordo com a fase e o tipo de treinamento que se realiza.

Mesmo que sejam uma fonte importante de energia não existem muitas recomendações estabelecidas para seu consumo.

O que existe é um reconhecimento da importância de consumirmos ácidos poli saturados (como o ômega 3 e o ômega 6, encontrados em peixes e frutas desidratadas) e também gorduras monoinsaturadas, como as encontradas no azeite de oliva.

A dieta para corredor deve passar longe de gorduras saturadas e gorduras trans. (que encontramos em margarinas, alimentos fritos, manteigas e sobremesas em geral).

O indicado é que as gorduras complementem a quantidade calórica da alimentação e que a proporção delas esteja entre 20 e 30% do total de calorias que consumimos diariamente.

Regras básicas de nutrição para corredores

Consuma alimentos ricos em carboidratos uma ou duas horas antes da atividade física. Evite treinar pela manhã com o estômago vazio. O ideal é ingerir tipos de alimentos que tenham absorção rápida, como sucos naturais, cereais e pães.

Reponha suas reservas de carboidratos em momentos que seu organismo mais necessita: dentro das duas primeiras horas após finalizar seu treino. Você pode repor ingerindo bebidas esportivas, frutas, uma barra de cereais ou iogurte.

Realize uma refeição forte de duas a quatros horas após o treinamento.

Antes de uma competição planeje sua alimentação com tempo. Só assim você terá sua reserva de carboidratos musculares em nível máximo.

Alimentos fundamentais para corredores
5 alimentos fundamentais na dieta de um corredor.

Alimentos fundamentais na dieta para corredor.

Soja

A soja é uma ótima fonte de proteína que ira ajudar na recuperação muscular apos o exercício

Banana

A composição da banana é praticamente toda de carboidratos, que se transforma em uma das melhores formas de repor energia depois de uma corrida.

Batata

Possui uma dose grande de vitaminas A e C, por isso são também uma ótima fonte de potássio e ferro, importantes para uma função muscular saudável.

Amêndoas

Possui vitamina E, importante pelas propriedades de estimulação imunológica que possui, mas também pela capacidade de manter os níveis de colesterol.

Salmão

Rico em proteínas ajuda a reduzir as inflamações e também auxilia nas articulações.

Lembrando que o post é um conteúdo informativo e não substitui uma consulta com nutricionistas e médicos.

Gostou das dicas? Agora tome nota e faça sua dieta para suas atividades de corrida e não se esqueça de deixar suas experiências e outras dicas nos comentários!

Posts relacionados