Posted in:

Como não desistir dos treinos de academia?

Homem fazendo supino em alguma academia, dando exemplo de como não desistir dos treinos de academia.
Como não desistir dos treinos de academia?
Este texto te ajudou?

Começar treinos de academia, nos primeiros dias, não costuma ser nada difícil, já que geralmente quando começamos algo novo estamos cheios de motivação e entusiasmo.

No passar dos dias essa motivação pode ir diminuindo e chegar ao ponto de deixarmos de praticar a atividade.

Com pequenos truque de motivação no seu dia-a-dia você pode aumentar seu rendimento e seguir com a vontade de malhar no ponto máximo.

Homem fazendo supino em alguma academia, dando exemplo de como não desistir de fazer musculação na academia.
Hora do show???

Afinal, fazer matrícula na academia é muito fácil e geralmente nesse início estamos muito motivados e repletos de energia e entusiasmo.

O problema é que geralmente em pouco tempo é comum a energia abaixar e a gente acaba precisando de uma motivação extra para seguir nos treinos de academia.

Para parar de procrastinar e ter energia para seguir no seus treinos de academia (e também outras atividades físicas) temos algumas dicas nesse texto.

A motivação é muito importante.

Dentro do mundo do esporte e da atividade física e um dos aspectos que mais se trabalha.

A motivação diz respeito a um trabalho mental para não “deixar a peteca cair” e continuar lutando até alcançar a meta que desejamos durante o seus treinos de academia.

Para isso a persistência e o estado de ânimo irão ser fundamentais para o rendimento de cada seção. Por isso, pequenas variações externas do próprio exercícios podem ajudar a melhorar a experiência na academia. 

Trace metas realistas nos treinos de academia.

Não adianta nada estabelecer objetivos no seu treino de musculação que você não irá cumprir.

É importante evitar comparar seu peso, seu progresso ou seu porte físico com o das outras pessoas que frequentam a academia, até mesmo porque ninguém atingiu o corpo ideal em apenas um mês.

Trace suas metas de forma moderada, estabelecendo um prazo e uma data limite.

As metas a longo prazo devem ser estabelecidas também. Não se esqueça que esses objetivos devem ser construídos com a ajuda de um profissional gabaritado para tal.

A contratação de um personal trainer pode ajudar a manter a motivação durante o treino musculação.  

Os objetivos a curto prazo são, sem dúvidas, a melhor maneira de saber e verificar os resultados obtidos.

Conte de trás pra frente.

Parece besteira, mas em cada repetição de série na academia não comece do 0 em diante. Dessa maneira irá parecer que o esforço do início irá se somar e aumentar a angústia.

Comece do número final de repetições que você tem que fazer e vá diminuindo.

Registro e monitoramento dos resultados é fundamental.

Registre toda semana, com data e hora o seu peso e medidas.

Faça fotos para ter uma dimensão visual das mudanças que irão acontecer.

Você também pode pensar em realizar um estudo especial para saber a porcentagem de gorduras, quilos e o índice de massa corporal e massa muscular: a antropometria.

Fone de ouvido sempre a mão.

A música pode ser um dos elementos motivadores mais importantes. Atualmente, com a facilidade de reproduzirmos e escutarmos música, não podemos ter mais desculpas para não levar um reprodutor de música para a academia.

É interessante criar uma playlist e incorporar o ritmo ao nosso treino.  Atualmente já existem aplicativos para isso. Já escrevemos aqui no blog sobre a relação da música com a corrida e esse artigo pode te ajudar.

Escolha uma academia que te favoreça.

Seja perto do trabalho ou de casa a distância da academia pode ser uma grande aliada ou um grande problema.

Uma academia que esteja a pouco tempo de onde você está pode te ajudar a não ter desculpas ou dificuldades para abandonar o exercícios.

Trânsito ou tempo de deslocamento não devem ser elementos que pesam na hora de melhorar sua saúde ou na sua vontade de alcançar suas metas.

Veja a academia como algo divertido.

Não leve a musculação como uma obrigação. Pense na atividade por uma ótica lúdica e recreativa. Assim não será um grande custo e você não estará sendo muito exigente consigo mesmo. Aproveite essa experiência!

Você pode gostar também do artigo como incluir a academia em sua rotina, que já publicamos aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.