single image

A busca incessante pelo corpo perfeito a qualquer custo é sempre algo preocupante no meio dos praticantes de exercícios físicos e das academias, principalmente com a chegada do verão. Muitos querem um corpo “perfeito”, “sarado” exatamente como rotulado pela mídia, e ainda buscam isso tudo com forma de saúde.

É inviável atingir objetivos com esses propósitos á curto prazo. A prática de exercícios sempre deve vir acompanhada de um profissional qualificado, para possa gerar os resultados desejados. E claro, respeitando sempre o princípio da individualidade biológica de cada individuo.

Nenhum ser humano é igual ao outro, por mais semelhanças que existam, cada um responde de distintas maneiras ao estímulo do treinamento. A modalidade esportiva deve ser escolhida de acordo com os objetivos e necessidades de cada um.

Como muitas praticantes buscam ás pressas á mudança da composição corporal, ainda existe questões que geram muitas dúvidas: “Será que posso praticar atividades todos os dias?” É necessário recuperar o corpo pra que haja mudanças sem sobrecarregar o organismo? Posso variar atividades ou seria melhor espaçar os dias, descansando?

Podemos sim, praticar exercícios todos os dias. O que se deve levar em consideração são os planejamentos de treino, dito como periodização. Devem-se respeitar as intensidades adequadas, mesclando planejamentos intensos, médios e fracos, para evitar estresse do corpo e ainda promover uma recuperação de qualidade.  A variação de modalidade pode acontecer desde que haja esse respeito às intensidades de treino.

Respeitar a pausa entre um treino e outro é tão importante quanto fazer exercícios toda semana. Durante um treino não ganhamos e nem melhoramos nada, apenas estamos estimulando o organismo, sobrecarregando-o. O corpo precisa de um tempo de recuperação, pois é nessa fase que os músculos e os sistemas se recuperam do desgaste imposto.

Durante um estresse físico e mental (por exemplo: excesso de treino – overtraining) o organismo libera o hormônio Cortisol e coloca o corpo num estado catabólico, dificultando o ganho de músculos, além de contribuir pro acúmulo de gordura corporal, menor utilização da glicose já que o hormônio regula a quantidade dela no sangue em períodos de estresse e baixa imunidade, pois o cortisol regula a reação inflamatória no corpo.

O descanso demasiado também pode prejudicar o corpo.  O resultado é o mesmo de quem não respeita o tempo de descanso: não há ganho algum. Os intervalos devem ser recomendados pelo profissional que te orienta. Lembrando que o ideal depende de cada pessoa, da intensidade e duração utilizada e do tipo de treinamento.

Vemos que o melhor a fazermos pra adquirir todos os benefícios do exercício físico é respeitar o corpo. Saber dos seus próprios limites já faz de você um vitorioso. Os resultados, com muita disciplina, paciência e foco chegarão.

Abdominais eliminam gordura abdominal.

MITO. A prática de abdominais fortalecem os músculos da região. O que elimina gordura abdominal é a prática aliada á dieta de redução de gordura.

A queima de gorduras só começa a partir do 30º minuto de exercício

MITO. O que dita isso é a intensidade da atividade. Quanto mais intenso for o treino, maior a quantidade de gordura que queimamos em repouso, mesmo que esse treino dure pouco tempo.

Quanto mais suor, mais emagrecimento.

MITO. Quando a temperatura interna do corpo ultrapassa os 38 graus, o suor age como um mecanismo de refrigeração para esfriar o corpo. Durante a atividade física, você perde água e sais minerais com isso o peso corporal diminuí. Porém, basta hidratar o corpo que logo o peso volta ao normal.

Sentir dor depois do exercício é sinal de que está funcionando.

MITO. Todo início de treinamento gera dor muscular porque o organismo não está acostumado com a prática. Isso se chama Dor de Início Tardio. Aparece até 24h após o treino, podendo permanecer por ate 72h. Porém, se as dores permanecerem mesmo condicionados, é sinal de que tem algo errado. Reveja o treino com seu treinador pra não gerar complicações futuras.

Karine Rocha
Performance Assessoria

Posts relacionados